Instalação obrigatória de proteção a incêndio

Uma porta de emergência corta fogo deve ser munida da capacidade técnica apropriada para impossibilitar que a fumaça e as chamas escapem de um ambiente durante, no mínimo, 90 minutos. Isso se deve ao fato das portas contra incêndio possuírem alta resistência - decorrente de matérias-primas como aço, vidro e vermiculita - providos de fechaduras, molas e barras horizontais , garantindo  o confinamento da fumaça e das chamas.

Entre os itens disponíveis, podemos destacar seguintes:

  • P90 – As  portas podem resistir até 90 minutos sob a exposição do calor e fogo;
  • P120 – Estas podem resistir até 120 minutos mesmo sendo expostas ao fogo e calor;
  • Industriais - Além de poderem ser elaboradas em 4 versões, resistem até 4 horas.

Em geral, elas tem a função concentrada principalmente para que não ocorra o contato do fogo, da fumaça e do calor do local em que está ocorrendo o incêndio com o ambiente externo, além de preservar a rota de fuga dos usuários.

Vale salientar que, ela é projetada para se adequar a vários tipos de locais, entre os quais se fazem presentes: prédios acima de quatro andares, todo local com alto fluxo de pessoas, indústrias, prédios comerciais, prédios residenciais, casas de shows, entre muitos outros.

Para o funcionamento correto do equipamento, se faz essencial que esse equipamento siga as exigências contidas nas normas regulamentadoras ABNT, por isso, pesquise a fundo por empresas e profissionais qualificados que fornecerão todo o suporte necessário, com presteza e atenção. Por fim, verifique o custo benefício, pois, sempre pagar mais caro é sinônimo de qualidade garantida.

Postagem criada em: 17/09/2021 - 10:57


Sobre a categoria dessa página Serviços: Conheça um pouco mais sobre os serviços oferecidos por empresas de diversos segmentos, qualidade no atendimento e na prestação dos serviços.